Dicas de Make

Os 5 erros mais comuns na hora de passar rímel

Por Giulia Parca, em 26/08/2013 às 15:53
Até para usar o rímel é necessário tomar alguns cuidados. Confira os 5 erros mais comuns na hora de aplicar, e fuja deles!


Foto: Dedoc/ Capricho

1. Cuide bem da sua máscara
Se você costuma colocar e tirar a escovinha no tubo de rímel várias vezes para pegar mais produto, pode ir deixando esse costume de lado. Isso facilita a entrada de ar dentro da máscara e faz com que ela resseque. Além disso, depois de passar, os cílios ficam cheios de bolinhas do produto.
2. Acerte na aplicação
Não adianta comprar máscaras que alongam e dão volume, se você não passa o produto desde a raiz. Usar o rímel da metade dos fios em diante acaba provocando o efeito inverso, e dando a sensação de cílios mais curtos.
3. Nada de exagerar!
Quanto mais, melhor, certo? Errado! Passar mais de 2 ou 3 camadas de rímel deixa os cílios muitos grossos e provoca o famoso efeito “aranha”, ou seja, quando os pelinhos ficam grudados uns nos outros. O excesso também pode afetar a durabilidade do produto, que pode ir saindo ao longo do dia, deixando vários pontinhos pretos ao redor dos olhos.





Foto: Dedoc/ Abril

4. Sem borrar
A cada nova camada de máscara, dê um tempinho para ela secar. Usar rímel borrado acaba com o efeito de destacar e “abrir o olhar” prometido pelos produtos. O conselho também vale para os cílios inferiores.
5. Fique atenta na validade
Outra coisa que pode afetar o efeito da sua máscara é a validade dela, fique bem atenta. Usar produtos vencidos pode causar irritações e até conjuntivite, graças à ação de germes e bactérias.

Como escolher seu batom vermelho

Por Equipe Capricho, em 30/07/2013 às 19:57
Não sabe qual batom vermelho fica melhor com sua pele? Então, siga essas dicas na hora de comprar o seu!
Se a sua pele é...


batom vermelho
Foto: Capricho/Dedoc

Clara (brancas rosadas)







batom vermelho
Foto: Divulgação

Se você é daquelas que tem algumas sardas e fica vermelha ao tomar sol, fique com tons rosados para alegrar o look, como vermelho-cereja e fúcsia. Fuja dos vermelhos escuros e tons de laranja: eles te deixam muito sóbria, com cara de mais velha.

Oliva (brancas amareladas e orientais)





batom-vermelho
Foto: Divulgação

Boa parte das brasileiras tem esse tom de pele devido à mistura de várias raças. Aposte nos tons vibrantes, bem abertos, como vermelho-tomate, que fazem um ótimo contraste com sua pele.

Morena






batom-vermelho
Foto: Divulgação

Você fica bem tanto com os vermelhos mais escuros e fechados, em tons puxados para o framboesa, como também com tons vibrantes, como o vermelho-tomate.

Negra





batom-vermelho
Foto: Divulgação

Os tons de vermelho mais fechados, como bordô e vinho, ficam ótimos. Outra excelente opção são os vermelhos metalizados, que ficam lindos nas peles escuras.

O tom de blush ideal para cada tipo de pele

Categoria: Beleza
Acertar na cor do blush deixa a maquiagem ainda mais bonita e com aparência saudável.
Saiba qual é o tom de blush ideal para cada tipo de pele.
Foto: Divulgação
O blush é um item de maquiagem essencial para tirar aquela aparência de rosto pálido e deixar a pele mais bonita e com aspecto saudável. Aplicar um pouquinho de blush nas maçãs do rosto já é suficiente para dar um toque todo especial à maquiagem.
Saber a forma correta de aplicar o blush no rosto usando o pincel de maquiagem adequado para isso já faz toda a diferença, mas também é preciso escolher a cor ideal. Saiba qual é o tom de blush ideal para cada tipo de pele.
Pele branca rosada
O blush ideal para pele clara é o de tom alaranjado bem suave, mais puxado para o pêssego. Essas tonalidades ressaltam o rosto, disfarçando o rosado da pele.
Pele branca amarelada
Para as mulheres de pele branca amarelada, o ideal é apostar no blush com tons rosados para quebrar o fundo amarelo da pele. Evite a tonalidade de blush pêssego, eles não combinam com essa cor de pele.
Pele oliva
A pele oliva é um tipo de pele morena clara amarelada, com fundo levemente esverdeado. O blush ideal para pele morena clara deve ser em tom de pêssego ou rosa queimado para dar uma aparência mais saudável e natural ao rosto.
Pele morena
A pele morena apresenta uma tonalidade entre a branca e a negra. Sendo assim, fica mais fácil acertar na cor. Os tons rosados e o bronze em nuances mais abertas são as cores de blush ideal para pele morena, pois dão uma aparência mais saudável e natural para esse tipo de pele. Fique atenta apenas para não escolher uma tonalidade aberta com o fundo muito laranjado e sobrecarregar a pele.
Pele negra
O blush ideal para pele negra deve ser em cores como o marrom escuro, marrom café, rosa queimado e terracota. O laranja, salmão e pêssego não combinam com a pele escura, evite.
Fonte: Dicas de Mulher

Primer colorido: entenda para que serve cada um

Por Giulia Parca, em 28/08/2013 às 18:20
Saiba qual cor de primer vai ajudar a uniformizar melhor o seu tom de pele
O primer ajuda a disfarçar os poros dilatados e controlar a oleosidade, e faz o make durar por mais tempo. Para quem sofre por causa de manchas, olheiras, rosáceas ou acne vale apostar nos produtos coloridos, que ajudam a uniformizar o tom da pele.
Entenda para que serve cada cor de primer e escolha um para investir.



Foto: Dedoc/ CAPRICHO

Rosa claro: é ideal para amenizar a aparência de manchas de sol e olheiras mais suaves. Também ajuda a dar um ar mais saudável para as peles mais pálidas. 
Verde: ajuda a disfarçar as incomodas manchinhas de espinhas e as rosáceas.
Alaranjado: alivia o aspecto cansado da pele e é ideal para suavizar as olheiras e manchas mais escuras.
Lilás: ideal para as meninas que tem o fundo de pele amarelado e para as orientais, pois neutraliza o tom da pele.
Nude: ajuda a uniformizar a pele do rosto, deixando o visual mais natural.




Foto: Divulgação

1. Primer verde da NYX – R$ 89
2. Primer lavanda da NYX  - R$ 89
3. Primer lilá da quem disse, Berenice? – R$ 47,90
4. Primer rosete da quem disse, Berenice? – R$ 47,90




Foto: Divulgação

5. A Make Up Forever tem uma das linhas mais completas de primers coloridos. Cada um sai por R$ 141.

Dica: Assim como no caso dos corretivos, quando você for escolher um produto colorido, vale consultar o círculo cromático. Lembrando que: o tom do primer deve ser o oposto ao que corresponde o do seu problema.



Dicionário de make: desvende cada novidade e vire uma expert!

Por Ana Mendonça às 13:39

air-brush40972.jpg

Airbrush
Muito usado em desfiles de moda para criar uma pele perfeita, o airbrush - ou aerografia, em português - é uma ferramenta que começou na pintura e agora foi incorporada ao universo do make! Trata-se de uma pistola em forma de caneta com um reservatório para colocar produto e um compressor de ar. Quando acionado, a base, por exemplo, sai como um spray, ou seja, em partículas bem pequenas. Assim, o maquiador economiza tempo e consegue um resultado mais natural!

Água termal

É uma água rica em minerais que ajudam a deixar a pele hidratada sem ficar oleosa e ainda tem efeito calmante. Costuma vir em embalagem spray: perfeita para você borrifar antes de começar a fazer o make ou mesmo de noite, depois do demaquilante.

BB, CC e DD Cream

O BB Cream (Beauty Balm ou Blemish Balm) começou com uma febre entre as meninas asiáticas e logo se espalhou para o restante do mundo. Ele é famoso por sua multifuncionalidade: é protetor solar, base, hidratante e primer tudo em um único produto!

Não demorou muito para surgirem seus derivados! O CC Cream (Color Control ou Correction Cream) tem todas as funções do BB Cream, mas com ativos mais potentes. Isto é, a textura é mais leve, a cobertura é maior, com mais hidratação e ainda tem ação antioxidante, que ajuda a prevenir as rugas. Nada para se preocupar agora ;) O DD Cream (Daily Defense Cream), por sua vez, é um BB Cream para o corpo, atuando na hidratação das áreas mais ressecadas do corpo, como mãos, pés, joelhos e cotovelos, prevenindo estrias e reduzindo as marcas de manchas e cicatrizes. Nenhum dos dois produtos existe ainda no Brasil. :(
Lip balm

É o famoso protetor labial, que ajuda a não deixar os lábios ressecados, protegendo essa pele sensível do frio e do ar seco, por exemplo. Suas versões mais recentes ganham cores diversas. Para você ficar com a boca linda e hidratada!

Lip tint

É praticamente uma canetinha feita para os lábios! Trata-se de uma tinta, que seca logo que entra em contato com a boca. Por isso, é mais difícil de aplicar. O acabamento é bem sequinho, como um batom mate.

Make 3D x Make HD

O Make 3D são os produtos de cores muito fortes, pigmentadas e com muito brilho, que criam volumes que dão profundidade ao make. Essa expressão também é usada para a técnica de afinar e contornar o rosto com bases e pós de tons distintos.

Já o Make HD apareceu junto com a tecnologia High Definition da televisão, que deixa as imperfeições e o excesso de produto muito mais evidentes. É formado por pigmentos muuuuuito pequenos, que ficam imperceptíveis na tela

Make mineral

Por ser feito com produtos retirados da natureza, tipo mica e óxido de ferro, promete agredir menos a pele e até tratá- la. Mas não dispensa o demaquilante!

Pó translúcido

É um pó ultrafininho tem muitas funções, entre elas: ajudar a segurar o make e assim fazê-lo durar muito mais; fazer a sombra durar mais - quando aplicado antes; reduzir a oleosidade da pele, principalmente na zona T (testa e nariz); deixar um batom cremoso mate...

Primer

O primer, ou pré-maquiagem, é capaz de controlar a oleosidade da pele, preencher linhas finas, poros e fazer o make durar muuuuito mais! Além disso, ele melhora o deslizamento da base, corretivo e pó, que devem ser aplicados exatamente nessa ordem. Também já existe primer de olhos, para ser usado antes da sombra. Yay!

Sombra x pigmento

Enquanto a maioria das sombras costuma ser compacta, o pigmento é geralmante em pó. As cores são mais fortes, mas para funcionar direitinho precisa de um primer de olhos ou fixador de sombras antes. Também dá para ser usado por cima da sombra: o make fica ainda mais intenso!




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...