Moda & Estilo

9 dicas de moda para aprender com as francesas

Por Sasha Yakovleva, em 30/08/2013 às 13:26
Você ama o estilo clássico e chique das francesas? Confira aqui alguns de seus segredos
Os livros "A Parisiense. O guia de estilo de Ines de la Fressange" e "Madame Charme - Dicas de estilo, beleza e comportamento que aprendi em Paris", da blogueira de moda americana Jennifer L. Scott, são livros que todas as meninas que gostam de moda e estilo deveriam ter na cabeceira. Porque as francesas são chiques, charmosas, elegantes. E a gente pode aprender um monte com elas.
Anotem as dicas:
Foto: Reprodução/fashionmagazine.com

1. Vestir grife da cabeça aos pés é bobagem (e até meio cafona)

Elas criam seu próprio estilo montado o guarda-roupa com um monte de peças baratinhas e alguas poucas peças de grife (que são a cereja do bolo e não caem de moda nunca). Andar montada de de grife da cabeça aos pés é sinal de mau gosto na França.  Para as francesas, legal mesmo é garimpar peças únicas em boutiques pequenas, feirinhas e até em supermercados. 
Foto: Reprodução/mimifroufrou.com
2. A elegância está na simplicidade
A regra aqui é evitar o exagero. Uma menina francesa não costuma sair na rua montada em brilho ou com marcas de grifes gritando na sua camiseta. Para elas, elegância e simplicidade andam juntas. 
3. Use roupas confortáveis
Nada pior que ficar andando preocupada com seu vestido megajusto ou se equilibrando em um sapato ultradesconfortável, que faz você andar toda deselegante? "O segredo de um bom estilo é sentir se bem dentro da roupa", conta Ines de la Fressange no livro Parisiense.

Foto: Reprodução/mimifroufrou.com

4. Compre apenas o que você realmente vai usar

As peças devem ser versáteis, essenciais e, sobretudo, você tem que gostar muito. Antes de compras alguma roupa, Inês aconselha perguntar a si mesma: "Vou usar essa peça esta noite?". Se a resposta for negativa é melhor se mandar da loja.

5. Roupas são como uma obra de arte

Compre pensando na sua silhueta e no estilo e não nas cores vivas e detalhes divertidos. Sempre, sempre, sempre imagine como peça que você está comprando vai se integrar ao seu guarda-roupa!
Foto: Reprodução/jenniferlscott.com 
6. Deixe no seu guarda-roupa apenas 10 peças essenciais para seu dia a dia
É bom lembrar que quantidade não é qualidade e é sempre melhor investir em duas ou três coisas realmente boas, que não vão mudar de cor ou de forma depois da primeira lavagem. Dê uma faxina geral no seu armário. Doe tudo que você não usa por mais de seis meses e também aquelas roupas que guarda "para usar em casa" e nunca usa. Depois, é só aprender fazer combinações com peças que já tem. Isso é ter estilo de verdade!
Tá difícil? Aqui vai um exemplo de seleção de 10 peças bem típica francesa:

- Blazer com mangas arregaçadas 

- Trench coat também com mangas arregaçadas e com gola amassada

- Suéter azul-marinho 

- Camisetas (com mangas e sem) de cores básicas: branca, preta, cinza... Mas nunca bege, para não confundir com a cor da sua pele

- Vestidinho preto básico 

- O jeans perfeito de corte reto

- Jaqueta de couro amassada e surrada 
7. Ouse
Francesas fogem do visual arrumado e combinadinho. Elas adoram arriscar e ousar nos seus looks! Usam terno com tênis e não com saltos, saia lápis com sapatilhas, colar brilhante sobre camiseta simples e, durante o dia, bolsa de palha ao invés de uma carteira dourada na festa.
Foto: Reprodução/mimifroufrou.com
8. Invista em looks hi-lo
Francesas jogam um sueterzinho de lã sobre um vestido de festa, misturam peças femininas com masculinas (para conseguir aquele look "roubei do namorado"), combinam um jeans velho com uma blusa de seda. E arrasam!
9. Cuide das proporções
De acordo com as francesas, a regra principal de estilo é: se a peça de baixo for justa, a de cima é larga. Se a de baixo é larga, a de cima é justa. 

Foto: Reprodução/graziadaily.co.uk

Ines de la Fressange com filhas Nine Marie e Violette Marie

Francesca Romana Diana lança livro sobre joias e lista cinco dicas básicas para não errar na hora de combinar as peças

Com sete anos de sua marca de acessórios Francesca Romana Diana, a designer agora lança o livro Tudo Joia - Dicas Preciosas, guia com indicações sobre como guardar e combinar joias, além de um levantamento histórico e outros assuntos que envolvem o tema. “Comecei o livro há uns dois anos, porque estava gostando muito da ideia de contar histórias sobre pedras e joias. Então uma amiga disse brincando que eu tinha tanta história que daria para escrever um livro”, lembra Francesca, que então logo partiu para a escrita.

Muitas páginas depois, Francesca viu que a brincadeira estava ficando séria e chamou a jornalista italiana Chiara Rimoldi para complementar o trabalho com entrevistas com a designer Lily Gabriella, a empresária Ana Cecília de Magalhães Lins Lacerda, as consultoras Constanza Pascolato e Helena Montanarini.

“São histórias que acumulei em todos esses anos. E uma das coisas que mais gostei de fazer foi a pesquisa sobre onde estão as melhores coleções de joias e museus do tema, que são lugares que sempre procuro visitar, mas para o livro fiz uma pesquisa mais abrangente”, conta ela, que destaca as páginas com indicações de onde comprar joias, de acordo com várias faixas de preço, em diversas cidades do mundo, como São Paulo e Nova York.

Outro ponto alto do livro são as pedras brasileiras, que ganharam capítulo próprio e são apontadas pela designer como uma tendência do mercado no momento. “Caíram no gosto de todo mundo. Há alguns meses só se falava em turmalina Paraíba, mas agora, talvez por causa do inverno, vejo também muita coisa escura, diamante escuro, prata e ouro escurecido, grafite, pedras mais escura”, avalia Francesca.

Abaixo, a designer lista para o Chic cinco dicas básicas para não errar ao compor o look com joias:

- “O espelho é seu maior aliado na hora de sair de casa. Sempre dou uma última olhada, pois às vezes não tem nada errado no conjunto de joias, mas não funciona com aquela roupa ou sapato. Preste atenção na proporção do conjunto: sempre uso duas pulseiras iguais, dois aneis iguais, um em cada mão”. 

- “Não tem problema nenhum usar ouro e prata juntos. Um colar em ouro e uma pulseira prata, por exemplo, compõem um conjunto bonito”.

- “O pretinho básico das joias para ter é: duas pulseiras e dois aneis, para usar um em cada mão, um colar que pode ser pequeno ou médio e um par de brincos. Com esse conjunto que combine entre si, você pode ir a qualquer lugar do mundo, em qualquer situação, que estará bem. O importante é que sejam peças bem feitas”.

- “É muito divertido usar diferentes anéis e pulseiras juntos. Mas para dar certo a dica é de novo o bom senso do olhar: não precisa seguir o que está na revista de moda, tem que ver na sua mão, se fica legal em você”.

- “O que é cafona nas joias? Nunca gostei muito dos vidros de Murano, mas acho que a única coisa a que tenho horror é mesmo a coisa mal feita, de metal vagabundo, material que dá alergia, estraga a saúde da pessoa, polui o ambiente, isso não tem nem que ser nem considerado”.

Tudo Joia - Dicas PreciosasEditora Lazuli
208 páginas
R$ 38
(Noite de autógrafos dia 3 de setembro, às 19h
Livraria da Vila - Alameda Lorena, 1731, Jardim Paulista – São Paulo)
Fonte: Chic

Valorize o seu corpo com a roupa ideal


Valorize o seu corpo com a roupa ideal
Ninguém nasce com estilo, mas com determinada carga genética. O corpo pode ter as formas de um triângulo ou um retângulo, parecer uma pêra ou mesmo um palito.
Publicidade
Mas há sempre uma roupa, uma cor, um tecido adequado a cada tipo físico. "Quem entende a própria silhueta consegue um efeito milagroso. Há sempre uma roupa que deixa a mulher bem-vestida, independentemente de estar ou não em dia com a dieta e a malhação", diz a consultora de imagem, Carla Martinho.
A lógica é sempre a mesma: esconder os defeitos e ressaltar as qualidades. Para lhe ajudar, o Cyber Diet preparou algumas dicas do que é recomendado e o que deveria ser proibido para cada tipo de corpo, segundo Carla Martinho.
Roupa certa para cada tipo físico:
















  • Corpo Retângulo:


  • As mulheres com esse tipo físico, são mulheres cujos ombros, cintura e os quadris estão na mesma medida, portanto, elas precisam necessariamente criar uma cintura.
    Valorize o seu corpo com a roupa ideal
    O que ajuda?
    - Casacos e Jaquetas com pences, que deixam a roupa mais fina na cintura;
    - Calças sem pregas, para não causar mais volume na cintura;
    - Calças com cortes retos e afunilados, ou até com a boca um pouco mais larga;
    - Cinto ou Faixas sobre a roupa (as faixas e gravatas estão em alta). Dê preferência para cores escuras, já que estas emagrecem. Porém, se tiver um pouco de barriga, prefira não usa-los.
    - Blazer: procure aqueles com cintos no mesmo tecido, ou também, aqueles que tenham pences, de modo a ficarem acinturados.
    - Use cintos da mesma cor da calça, em tom escuro, já que isso dá uma impressão visual de que a cintura diminuiu.
    - Procure chamar a atenção para o colo, desviando a atenção da cintura. Use e abuse de decotes, brincos, colares. Os melhores decotes são os em formato "V", "U" ou canoa.
    - Uma boa sugestão para quem gosta de saias, são as evasês (que estão na moda), ou saias curtas (que virão forte nessa estação).
    - Para quem gosta, o corselete também é ótimo, já que ele ajuda a esculpir curvas, afinando a cintura.
    Evite
    - Camisas ou Blazers de corte quadrado e largo;
    - Gola alta, já que faz o colo ficar totalmente coberto, deixando a silhueta ainda mais pesada;
    - Jaquetas curtas;
    - Vestido de corte reto;
    - Saia justa e afunilada;



  • Corpo Oval/Redondo


  • Para mulheres com esse tipo físico, é mais difícil transformá-las nas formas do tipo físico "Ampulheta". Podemos então, explorar as pernas, chamar a atenção para o torso através de decotes, tentar estender os ombros e ainda tentar diminuir os quadris.
    Valorize o seu corpo com a roupa ideal
    O que ajuda?
    - Abusar de tudo que chama a atenção para o colo e o pescoço, como decotes, brincos, colares.
    - Blazers, camisas ou tricôs que ultrapassem a linha da cintura. Nada pode parar na altura da barriga ou no meio do quadril, pois criam uma ilusão de que o quadril é ainda maior, e não menor como é o nosso objetivo.
    - Calça e saias sem pregas, para não criar volume em lugar indesejado.
    - Calça de cintura no lugar, com corte reto, de preferência, a barra tocando o peito do pé (para dar a ilusão de alongar a pessoa).
    - Decotes em "V" e em "U"
    Evite
    - Tudo o que chama a atenção para a cintura: camisetas curtas que mostram a barriga, calça com cintura baixa e calças ou saias com pregas.
    - Cinto ou faixas por cima da roupa, tanto claro, como escuro.
    - Gola Alta
    - Calça muito justa ou tipo legging, que deixa a perna muito estreita e realça a barriga;
    - Roupas claras e com brilho;
    - Listras horizontais;
    - Colar tipo coleira ou com muitas voltas;
    - Tecidos volumosos;
    - Blusa por dentro da calça;
    - Pregas, babados e drapeados;
    - Vestido com recorte abaixo do busto;




  • Corpo Triângulo Invertido


  • As mulheres com o tipo físico do triângulo invertido, para chegarem ao equilíbrio, precisam aumentar o quadril, chegando a uma medida proporcional ao ombro.
    Valorize o seu corpo com a roupa ideal
    O que ajuda?
    - Frente única ou vestido de cava americana, ajuda a diminuir os ombros, criando uma ilusão de um quadril maior;
    - Calças de cintura baixa, mas não justas;
    - Saias evasê, rodadas ou retas;
    - Cores escuras na parte de cima;
    - Regatas de alça fina;
    - Blusas modelo cachê-coeur;
    - Calças com volume, por meio de pregas ou tipo pantalona
    Evite
    - Calça muito sequinha, sem nenhum volume, prega ou pence;
    - Calça jeans muito sequinha, prefira as de número maior que o seu, apertada por cinto, já - que isso cria volume no quadril.
    - Ombreiras
    - Blusas de tecido volumoso com muitos detalhes na altura do busto, ou de linhas horizontais;
    - Saias e vestidos justos e afunilados;
    - Blusas de decote canoa, e tomara que caia;




  • Corpo Triângulo


  • Para a mulher com o tipo físico do triângulo, o truque é fazer com que os ombros se estendam horizontalmente, chegando até a medida do quadril, ou diminuir visualmente o quadril. Este é um tipo físico bastante comum entre as brasileiras.
    Valorize o seu corpo com a roupa ideal
    O que ajuda?
    - Camisas ou tricôs com a cava mais caída, devem ultrapassar a linha do ombro, produzindo um efeito de alongamento;
    - Calças ou saias de cores escuras, já que a cor escura emagrece; (não muito justas)
    - Decote de ombro a ombro, ou seja, deixando os ombros de fora. Isso aumenta visivelmente os ombros;
    - Tomara que caia é ótimo, para as que estão em forma;
    - Mangas com volume;
    - Blusas e camisetas coloridas;
    - Saias e vestidos evasê;
    - Camiseta com manga, sempre;
    Importante: A altura de blazers, camisas, ou twin-set, deve ser sempre acima ou abaixo da parte mais larga do seu quadril, nunca deve cair sobre ele, isso forma uma linha horizontal, que aumenta ainda mais o quadril.
    Evite
    - Calça ou saia de pregas, calça de cintura baixa, que aumenta o quadril, e calça corsário, que diminui a perna e salienta o quadril anda mais. Calça muito justa também realça muito o quadril, dando a impressão de aumentá-lo.
    - Calça cigarette ou stretch;
    - Frente Única ou cava americana, que diminuem ainda mais os ombros;
    - Calça ou saia bufante, que também aumentam o quadril;
    - Regatas de alças muito finas;
    - Detalhes na altura dos quadris, como: bolsas, bordados, babados, e etc..
    - Minissaia curtíssima
    - Cintos largos ou muito fininhos jogados nos quadris;
    - Parte de cima cor escura, sendo a parte de baixo de cor clara;
    Corpo Ampulheta
    Esse é o tipo físico que toda mulher gostaria de ter. É o que chamamos de corpo violão. Se a mulher for do tipo físico da "Ampulheta" e for magrinha, melhor ainda, pois pode usar tudo! Mas se não for magrinha, é necessário, diminuir visualmente os quadris e seios .
    Valorize o seu corpo com a roupa ideal
    O que ajuda?
    - Tops, Regatas, Frente Únicas, calças com prega ou sem prega, detalhes em qualquer parte do corpo;
    - Se não tiver um busto grande, pode usar gola alta;
    - Caças de corte reto e cintura baixa;
    - Saias fluidas evasê, ou justa
    Importante: Se a pessoa for do tipo físico "Ampulheta", mas estiver cheinha, é necessário atenção! Não esquecer que a pessoa tem cintura, logo, aproveite para explorá-la. (Veja as dicas para o tipo físico do retângulo).
    Evite
    - Roupas retas e sem pence, que vão transformar a pessoa num triangulo;
    - Vestidos em forma de trapézio, ficam soltos no corpo e dão a sensação de criar volume na cintura e mais ainda no quadril.
    - Camisas ou Blazers de ombros muito largos, pois vai deixar a pessoa com a forma do triângulo invertido;
    - Gola alta, no caso das que tem muito busto, pois dá a ilusão de estarem acima do peso;
    Por:
    Luana Godoy
    Agência MBPress

    Resumo: tipos de corpo

    Por Marcela Herrera

    Para que não restem dúvidas sobre qual é o seu tipo de corpo e que peças de roupa favorecem cada silhueta, fiz este resumo especial. Espero que gostem.
    Corpo banana: Corpo retangular, com quadris e ombros da mesma largura e pouca cintura. Seu desafio é destacar a cintura, criando volume com cintos na altura do quadril, saias volumosas ou esvoaçantes. Tente também dar volume na parte superior do corpo com cachecóis, colares e mangas três quartos.
    Corpo Maçã: Abdômen grande ou barriguinha, pernas finas, quadril pequeno e busto grande. Seu desafio é alongar a silhueta. O ideal é que você use peças com corte império e golas em V. Nem por decreto use roupas muito justas que marquem o abdômen.
    Corpo Pera: Silhueta alongada, pouco busto, costas pequenas e quadris grandes. O desafio é desviar a atenção dos quadris e dar volume ao busto usando colares, lenços e argolas nos decotes de vestidos e camisas. Demarque a cintura usando cintos que a dividam e a deixem com um visual mais equilibrado. Evite usar usar calças de lycra e saias estampadas.
    Corpo Ampulheta: Ombros e quadris de largura similar, bastante busto, cintura fina e demarcada. Prefira sempre os decotes em V para alongar a silhueta, use camisas e blusas que marquem o corpo, evite peças largas e de lã. Você pode usar peças de cós alto que ressaltem as curvas do quadril e seu maior atributo, a cintura.

    Outros conselhos para todas

    -Se você tem bastante busto, evite ao máximo as blusas fechadas ou as golas altas.
    -Se você tem pouco busto, opte por blusas com estampas no busto, golas altas e boleros. Se for usar uma blusa sem mangas, opte por uma tomara que caia.
    -Lembre-se de que a roupa íntima é a chave para o visual externo.
    -Evite usar peças muito apertadas em lugares mais cheinhos do corpo.
    -Vista-se de acordo com a sua idade, com cores e estampas apropriadas para o seu corpo e o seu estilo.

    Fonte: h&h

    Saiba quais peças de roupas são aconselhadas para cada tipo de corpo


    Roupas existem em variados cortes, modelos e texturas – e cada peça pode favorecer um ou outro tipo de corpo. Se você tem dúvidas do tipo "será que essa calça cai bem em mim?" na hora de se vestir, algumas dicas da estilista e modelista Dinah Bueno Pezzolo, publicadas este ano no livro "Na moda sem erro – Do berço à terceira idade para todas as ocasiões" (Editora SENAC - São Paulo), podem facilitar o seu dia a dia. Ela propõe um guia prático e direto que aponta quais peças caem bem em cada tipo de corpo. Confira abaixo!


    Quadril volumoso

    É melhor evitar:
    Saia curta, calça com cós baixo, jaqueta curta, suéter colante, cinto apoiado no quadril, calça e saia com pregas, legging, calça stretch e saia rodada

    Peças aconselhadas:
    Saia Chanel, saia longa, blazer longo, blazer com gola larga, blazer com abotoamento simples e blusa com efeito blousé


    Muito busto

    É melhor evitar:
    Decote canoa e redondo, cintura alta, blazer com gola larga, blazer com abotoamento duplo, suéter colante e saia rodada

    Peças aconselhadas:
    Decote V, blazer longo, blazer com gola estreita, blazer com abotoamento simples e blusa com efeito blousé


    Pouco busto

    É melhor evitar:
    Decote V e suéter colante

    Peças aconselhadas:
    Decote canoa e redondo, cintura alta, drapê lateral na blusa, saia rodada e blusa com efeito blousé


    Barriga proeminente

    É melhor evitar:
    Cintura alta, cintura baixa, saia curta, jaqueta curta, blazer com abotoamento duplo, cinto apoiado no quadril, calça e saia com pregas, legging, calça stretch e saia rodada.

    Peças aconselhadas:
    Blazer longo, blazer com gola estreita, blazer com abotoamento simples, drapê lateral na saia, suéter e blusa para fora da calça e blusa com efeito blousé.


    Muito alta

    É melhor evitar:
    Cintura alta, legging e calça stretch

    Peças aconselhadas:
    Decote canoa e redondo, cintura baixa, saia Chanel, cinto marcando a cintura, cinto apoiado no quadril, drapê lateral na saia e na blusa, blusa para dentro da calça, calça e saia com pregas, saia rodada e blusa com efeito blousé


    Muito baixa

    É melhor evitar:
    Decote canoa e redondo, cintura baixa, saia curta, calça com cós baixo, blazer longo, blazer com gola larga, blazer com abotoamento duplo, calça e saia com pregas, saia rodada, calça e saia barradas e blusa com efeito blousé.


    Peças aconselhadas:
    Decote V, cintura alta, saia Chanel, saia longa, jaqueta curta, blazer com gola estreita, blazer com abotoamento simples, ombreiras discretas, legging e calça stretch.


    Acima do peso

    É melhor evitar:
    Decote canoa e redondo, cintura alta, cintura baixa, saia curta, jaqueta curta, blazer com gola larga, blazer com abotoamento duplo, suéter colante, cinto apoiado no quadril, blusa para dentro da calça e da saia, calça e saia com pregas, legging, calça stretch e saia rodada

    Peças aconselhadas:
    Decote V, saia Chanel, saia longa, blazer longo, blazer com gola estreita, blazer com abotoamento simples, drapê lateral na saia, suéter e blusa para fora da calça e da saia e blusa com efeito blousé

    A moda ideal para um corpo em forma de maçã

    Se você tem a cintura larga, o abdômen proeminente, ombros pequenos e pernas finas ou quadris largos, e tendência à cintura grande, seu corpo têm formato de maçã.
    É preciso realçar a cintura. Vamos começar dentro para fora. O mais importante é a roupa íntima. O ideal é usar peças que ajudem a definir o formato do busto. Se você for baixinha e tiver bastante busto, use sutiãs grandes com faixa redutora no abdômen ou faixas que subam os seios, separando-os do quadril, para alongar a silhueta e marcar a cintura. No mercado, você encontra uma infinidade de bodies para acentuar a cintura e realçar o busto. São excelentes como peça íntima, mas não aconselho usá-las como blusa.
    Agora vamos pensar nas outras peças. Minha recomendação inicial é não usar roupas apertadas ou justas demais, bem como evitar peças muito estampadas ou com estampas muito grandes. Isso criará volume visual e não é o que queremos.
    Vista-se com roupas de um tom só e que destaquem os ombros e as pernas, desviando os olhares do abdômen. A melhor forma de fazer isso é usando colares chamativos e blusas com decote em V e corte império, para que não marquem o abdômen. Use essas peças com saias retas ou nos joelhos, ou com calças de corte reto. Dependendo da sua idade, você pode usar calças saruel.
    Se quiser usar jaquetas ou blazers, opte pelo corte princesa, com lapela grande em V e, no máximo, 2 botões. Podem ter ombreiras, mas não exageradas. Uma dica de beleza para quando usar jaquetas com ombreira: prenda o cabelo para que seu pescoço pareça maior e seu rosto, mais fino.
    Para eventos mais elegantes, opte por peças com detalhes bordados ou drapeados assimétricos na altura da cintura, ou por vestidos com decotes em V ou cruzados. O vestido deve ir, no máximo, do joelho ao tornozelo. Se suas pernas forem curtas e finas, use sapatos de salto com bicos redondos para dar mais estilo.

    Erros comuns que devem ser evitados:

    - Usar apenas roupas esportivas.
    - Usar peças justas demais na parte superior do corpo.
    - Usar plissados.
    - Comprar roupas dois números maiores que a sua.
    - Usar calças skinning, shorts ou calças capri.
    - Vestir-se com roupas inadequadas para a sua idade.
    Siga esses conselhos e você ficará cada dia mais bonita, se vestindo adequadamente em qualquer ocasião.

    Looks para disfarçar a barriguinha indesejada


    Por Juliana Ali
    Quem é que não gostaria uma lipo instantânea e que não prejudicasse a saúde? Mas, você não precisa entrar na faca para perder a barriguinha indesejada… A moda tem alguns truques que vão fazer com que você pareça quilos mais magra escondendo justamente essa região dos pneusinhos. Quer ver?
    • Cores e cortes: Muitas vezes a gente acha que, se usar uma roupa larga, vai seconder a barriga. Mas é justamente o contrário. Uma bata, por exemplo, vai fazer com que sua barriguinha pareça ainda maior. Então, o segredo é usar CORES ESCURAS e SHAPES RETOS. Ou seja, nada de largo nem nada de justo. Suas roupas devem ser próximas ao corpo, sem colar.

    • Estampas: Nada de estampas chamativas e gigantes, como um maxi floral, por exemplo. Invista em ESTAMPAS DISCRETAS e miúdas. Flores pequeninas, listras… Se o fundo do print for preto, melhor ainda.


    • Cintos: Podem ser grandes amigos. Use sempre um modelo nem fino nem grosso na altura da cintura, jamais caído nos quadris. O melhor é que o cinto seja no mesmo tom da blusa. Isso vai dar uma bela disfarçada na barriguinha e afinar sua cintura.


    • Peças chave: Você tem que ter: vestido preto reto, camisa acinturada de estampa pequenina, top com decote canoa, maxi colar (para atrair os olhos para o decote e tirar da barriga).


    Peças, cores e dicas para quem quer parecer mais magra

    Use as cores a seu favor. As cores escuras, em especial o preto, criam um efeito de profundidade e dão a impressão de que somos muito mais magras. Por isso, uma calça ou uma camisa preta são sempre ótimas opções. Se quiser disfarçar o quadril, use calças pretas com blusas coloridas. Para esconder os pneuzinhos, uma blusa preta ajudará muito.
    As cores fortes e vibrantes, como o vermelho, o rosa-choque e o amarelo, chamam muita atenção, e você pode usá-las a seu favor. Se não quiser que as pessoas olhem para o seu quadril, use uma pashmina colorida, que chamará a atenção para a parte superior do seu corpo. Evite cores fortes nas partes mais volumosas do corpo, como quadris.
    Use as estampas a seu favor. Há uma infinidade de estampas no mercado e muitas delas podem arruinar o visual de quem está tentando parecer mais magra. As listras, tão na moda nesta estação, renovam-se a cada coleção e favorecem muito o look se usadas corretamente. Uma boa ideia é usar blusas com listras verticais finas, que além “emagrecer”, dão a impressão de que você é mais alta. Evite listras horizontais em áreas muito volumosas do corpo.
    Durante muito tempo, acreditou-se que estampas grandes ficavam bem em mulheres altas. No entanto, estampas exagerada só dão mais volume ao corpo. Por isso, opte por peças com estampas pequenas e combine-as com cintos de cor sólida na cintura.
    Escolha estampas com arabescos, ângulos ou diagonais e evite as de forma arredondada nas partes do corpo que quer esconder.
    Opte por saltos altos sempre que quiser parecer mais magra. Quanto mais alta você for, mais magra parecerá. Fora que, se o salto for alto e colorido atrairá a atenção e afastará os olhares das partes do corpo que você não quer destacar.
    Os saltos também transformam as pernas. Se você tiver pernas grossas, opte pelos sapatos de bico fino, que aumentam o pé e afinam as pernas. Agora, se quiser que suas pernas pareçam mais grossas, use sapatos de bico redondo.
    Colares e brincos de argola podem ser boas ferramentas para afinar a silhueta. Se o intuito for esse, evite colares muito grandes e chamativos, pois eles aumentarão o volume na região do pescoço e do busto.
    Acredite se quiser, brincos também podem afinar sua silhueta. Se você tiver rosto redondo e pescoço curto, evite brincos muito grandes, pois só ressaltarão essas características. Escolha com atenção os acessórios ideais para seu tipo de rosto e não exagere em quantidade.
    Pulseiras e relógios também precisam ser proporcionais ao tamanho dos seus braços. Nunca use pulseiras apertadas ou largas demais.
    Para finalizar o assunto dos acessórios, não podemos nos esquecer das bolsas. Isso mesmo: as bolsas também podem ajudar a afinar a silhueta. Se sua estatura é média, opte por bolsas médias com alças de grossura média ou fina, que não passem da cintura. Bolsas acima da cintura diminuem a estatura e aumentam visualmente o volume dos quadris. Se você for alta, mas tiver corpo tipo pera, o melhor para você são as bolsas pequenas retangulares, com alças compridas ou curtas.
    Se seu corpo for do tipo banana ou maçã, a bolsa ideal será uma com alça larga, que pare na altura da cintura. Esse tipo de bolsa ajudará a equilibrar seu visual e a deixará mais bonita.
    Cuidado com a postura. Nenhuma dica de moda, por mais elegante e adequada, funcionará se você não mantiver a postura correta. Observe as modelos dos catálogos e desfiles de modas. Elas nem sempre são lindas, mas sua postura e atitude atraem todos os olhares. Se você ficar sempre curvada, a barriga relaxará e crescerá para frente, ou pior, para os lados. Se você mantiver a postura ereta, notará a mudança instantaneamente. Você parecerá mais alta, sua barriga se contrairá, sua cintura ficará mais fina e, obviamente, todas as roupas ficarão mais bonitas em você.
    Não use roupas grandes demais. Quem usa roupas grandes demais acaba parecendo ainda mais gorda, por isso, use as roupas ideais para o seu tamanho e evite peças pouco femininas.
    Sob nenhuma circunstância, use roupas pequenas demais, como camisas com botões que parecem que vão explodir, ou calças tão justas que fazem dobras no quadril e nas pernas, pois o efeito visual é tão negativo quanto o das roupas grandes demais.
    Na hora de compor o visual, escolha roupas do seu tamanho que favoreçam sua silhueta. Camisas de mangas longas costumam favorecer as mais gordinhas, assim como calças de cós alto. Vestidos de corte império podem não ficar bem em pessoas que com barriguinha saliente. Se esse for o seu caso,  escolha vestidos com drapeados, que disfarcem a barriga.
    Use roupas íntimas adequadas. A roupa íntima é tão essencial quanto as outras peças e, com o passar do tempo, ganha ainda mais importância. Por isso, é fundamental escolher lingeries adequadas ao seu corpo. Use sutiãs que realcem os seios, ou que os disfarcem, caso sejam grandes demais, e evite sutiãs e calcinhas apertados ou que fiquem marcados nas roupas.
    Você também pode usar bodies e faixas redutoras, que são bem confortáveis e embelezam seu corpo.
    Conheça seu corpo e use-o ao seu favor. Todas as mulheres gostam de algumas partes do próprio corpo, então tente ressaltá-las e disfarçar as que não a agradam.
    Para finalizar, lembre-se de que a atitude é tudo. Esqueça a frase “estou gorda” e tome algumas atitudes para ficar bonita e radiante. Ajeite sempre o cabelo antes de sair de casa, pois isso chamará a atenção para o seu rosto. A maquiagem faz milagres e pode afinar seu rosto. Confie em si mesma e sorria, pois toda mulher tem sua beleza.
    Quando o assunto é ficar radiante, vale tudo, por isso usamos a moda, os cortes, as peças, as texturas dos tecidos e outros truquezinhos para dar mais volume aos seios.
    Textura ajuda a dar volume. Materiais finos, como a lycra, grudam no corpo, mas tecidos com texturas mais grossas dão volume. Se você quer ressaltar os seios, pode usar, por exemplo, um espartilho liso que tenha detalhes plissados no busto.
    Estampas dão volume. Quanto maior a estampa, mais volume ela dá, portanto, se você for a uma festa de gala, por exemplo, pode usar um vestido que tenha estampas somente no busto.
    As listras horizontais também dão bastante volume. Use uma blusa listrada para ressaltar a parte superior do corpo. Estampas em geral dão mais volume ao corpo.
    Alguns cortes favorecem o busto. Quanto mais alto o decote, maior será o volume do busto, por isso, prefira as golas rolê, os decotes joia, canoa e redondos. Se você for a uma festa ou estiver à procura de um vestido de noiva, mas prefere um decote tomara-que-caia, opte por um com corte reto e detalhes de alta costura que deem volume, como bordados e pedrarias, drapeados ou flores na área do busto.
    Para terminar, lembre-se sempre de que dá pra usar sutiãs com bojo, arame, bolhas e até mesmo os de silicone, que grudam na pele e aumentam ainda mais o volume.

    Os decotes mais indicados para seu tipo de corpo

    Identificar as proporções do pescoço é fundamental na hora de escolher um decote. Por isso:

    Se o seu pescoço é comprido e fino, os decotes ideais devem cobrir metade do pescoço, como o decote tartaruga. De preferência, use-os com tecidos mais grossos, ou opte pelo decote quadrado ou barco, acompanhado de um lenço delicado ou echarpe.
    Se o seu pescoço é curto e fino, os decotes mais profundos e amplos são mais indicados, como o decote quadrado.
    Se seu pescoço é curto e largo, o decote ideal deve mostrar os ombros, como o decote bandeja ou barco bem aberto, com tecidos mais finos e com bom caimento. Decotes tomara-que-caia são ideais para equilibrar.

    Conhecer bem o busto – seu tamanho e peso – é indispensável para escolher um decote apropriado.

    -Busto grande: o decote halter (braços, ombros e costas de fora, com duas tiras que se unem na nuca), assim como o decote em “V” são duas opções que marcam, estilizam e sustentam este tipo de busto.
    -Busto pequeno: quando mais fechado for o decote, maior parecerá o busto. Por isso, mulheres com seios pequenos devem escolher peças com decotes tartaruga ou redondo.
    -Busto mediano: quem tem seios de tamanho médio pode usar todos os decotes.  Os decotes coração, tomara-que-caia, em V e quadrados caem muito bem.
    Um ponto a mais para o decote quadrado: é o que mais valoriza qualquer tipo de corpo. Ele disfarça os seios grandes e realça os pequenos.

    Por último, mas não menos importante: escolher o decote segundo o tipo de rosto.

    Os rostos ovais podem usar todo tipo de decotes, mas quem tem rosto redondo deve optar por decotes em V ou quadrados. Para mulheres com rosto quadrado ou muito anguloso, os decotes ideias são os redondos.

     Dicas úteis para um decote arrasador

    -Não esqueça de hidratar muito bem a pele do colo com creme hidratante ou óleo de amêndoas.
    -Os decotes mais fáceis de usar e combinar  são os quadrados e redondos.
    -Os decotes tomara-que-caia e coração são mais apropriados para festas e eventos noturnos.
    -Não use decotes se você tem imperfeições na pele que não consegue esconder, como pintas ou espinhas grandes.
    -Se maquiar o rosto, lembre-se de passar a base também no pescoço e no pescoço.
    -Use um casaco que combine com o decote escolhido.
    -Mantenha a postura ereta para uma aparência mais elegante.
    Não há nada melhor que conhecer cada detalhe do seu corpo para aprender a escolher as peças adequadas e ficar sempre bonita. Por isso, não perca nenhum post do nosso blog!

    Corpo relógio de areia: o que usar

    Se você tem ombros e quadris de largura similar e bem proporcionados, além de uma cintura fina, anime-se! Sua silhueta em formato de relógio de areia pode ser valorizada de várias formas.

    Aproveite estas dicas:

    -Use todo tipo de cintos de cores chamativas, finos ou grossos. Você também pode sobrepor casacos e camisas, usando os cintos para dar o toque final.
    -Evita decotes redondos ou muito echados em blusas ou vestidos. Prefira os decotes em V, cruzados ou com gola canoa para aumentar o colo e dar mais profundidade à silhueta.
    -Use estampas lineares ou florais, com motivos pequenos. Evite as flores grandes em peças principais, como blusas, jaquetas e vestidos. Use blusas com decotes abertos.
    -Se você tem este tipo de corpo e é de compleição alta, é importante suar acessórios grandes e proporcionais ao tamanho do corpo. Evite cintos finos ou colares muito pequenos.
    -Use vestidos que valorizam seu corpo e calças de corte reto.
    -Se quiser parecer sexy em eventos especiais, não hesite em escolher modelos justos na cintura e saias com corte de sereia.

    O que não usar!

    -Evita usar peças soltas na cintura, como vestidos ou blusas de cortes largos, pois qualquer sobra de tecido abaixo do busto fará você perder o que tem de melhor, a cintura.
    -Evita as peças de lã grossas ou com muito volume, e evite jaquetas largas ou apertadas nos quadris.
    -Evita os tecidos amassados ou saias muito volumosas.


    Corpo pera: o que usar

    Se você tem as costas pequenas, pouco busto, cintura fina e quadris grandes e bem desenvolvidos, seu corpo é estilo pera.
    Algumas mulheres famosas que têm esse tipo de corpo são Jennifer López e Shakira, e se elas estão sempre lindas, por que você não pode estar?
    Seguem alguns conselhos para que você valorize o formato de seu corpo e use roupas que equilibrem a silhueta.
    Blusas: o ideal é que tenham estilos chamativos, com desenhos, tecidos e até mesmo estampas que chamem a atenção para a parte superior do corpo, e não para os quadris. As blusas devem ser, de preferência, de mangas largas ou volumosas, com golas grandes.
    Você também pode usar colares grandes com pingentes, lenços ou echarpes, desde que seu pescoço não seja curto.
    Os cintos largos são uma peça-chave para mulheres com esse tipo de corpo, pois marcam a cintura e equilibram todo o visual.
    Preferencialmente,as calças devem ter corte reto. Leggings não são uma opção, porque marcam o bumbum e ficarão pouco elegantes, então tire-os do seu armário! Os casacos podem ser tipo blazer ou com corte princesa. O importante é que se ajustem à cintura e fiquem na altura dos quadris. Esse tipo de peça deixa seu corpo visualmente mais comprido. Se você gosta de saias, use-as na altura ou abaixo do joelho, com corte em “A”. Evite ao máximo saias de lycra ou de materiais elásticos que fique muito justos.
    Pra finalizar, se você precisa se vestir para uma ocasião especial ou uma festa, use vestidos longos com drapeados ou bordados no busto, e saias com corte “A” de tecidos leves como chiffon, georgette ou sedas naturais.

    Corpo banana ou retangular: o que usar


    Se seus ombros e quadris são da mesma largura, e sua cintura não é bem marcada, você tem o corpo retangular, ou banana. Mas não se preocupe, essa é a silhueta mais fácil de vestir.

    O desafio é evitar um visual comprido e sem curvas. Para isso, é preciso criar curvas com as peças indicadas. Procure usar saias esvoaçantes com boca larga e pregas ou babados. Use camisetas de manga curta ou três quartos com punhos grandes, ou boleros e tops com colares.
    Adicione acessórios como cachecóis e lenços, pois dão mais forma à sua silhueta. As calças devem ser, de preferência, de cós baixo para alongar o tronco e dar proporção à cintura. Você também pode usar cintos largos ou finos para dar mais volume ao quadril.
    Se gostar de vestidos, opte por tecidos suaves como a seda natural ou o shiffon, ou que tenham camadas sobrepostas, para criar a ilusão de curvas no seu corpo.
    Mas se você está à procura de um vestido de noiva ou de festa de quinze anos, opte por um vestido com corpete médio e saia rodada godê ou sereia, pois esses cortes ficarão justos ao corpo e se elevarão na saia para dar volume e equilíbrio ao visual.

    Básicos pra muitas ocasiões 


    Fique radiante nas quatro estações com uma peça básica: a camisa branca
    Aa camisa branca é uma peça que não pode faltar no armário de qualquer mulher – seja de gola formal, em V, careca, com manga longa ou ¾ , justa ou solta, com um caimento suave.
    Neste artigo, você vai descobrir como aproveitá-la ao máximo, exibindo um look completamente diferente e apropriado para cada situação. Veja como transformar essa peça básica em uma grande aliada nas quatro sugestões a seguir.
    Para o trabalho
    Combine a camisa branca com uma calça de corte reto de linho ou algodão, cinza ou preta, saltos de ponta redonda de duas cores – preto com toques de vermelho ou salmão -  e bolsa de cor contrastante. Não esqueça os brincos de pérola e uma pulseira pequena. No inverno, você pode usar um suéter longo por cima ou um casaco aberto. É um look sóbrio, confortável e fácil de montar.
    Para um dia de compras ou uma saída diurna informal
    Combine sua camisa com jeans cigarrete lavado e sapatilhas de cores vibrantes, como verde água ou fúcsia, duas opções para ficar bonita e radiante. Os acessórios ideais para esse look: uma pashmina floral para dar um ar hippie chic, e uma bolsa com alças com detalhes como bordados ou franjas de couro, que estão em alta nessa temporada.
    Para um encontro
    Apesar de parecer uma peça básica demais para um momento especial, como um encontro, com uma boa combinação ela pode ser sua melhor aliada. Escolha uma camisa branca em material  fino e esvoaçante, que está no auge nessa estação, com pequenos apliques em renda ou transparências. Combine-a com uma saia curta e justa, de cor preta, de tecido liso ou de renda, meias de seda pretas e saltos plataforma, que valorizam suas pernas. Para exibir um visual mais vibrante, use sapatos de cores fortes, como roxo e vermelho, e uma bolsa-carteira brilhante. Não esqueça de escolher um colar grande e simples para destacar o colo e deixar seu look ainda mais chique.
    Para um coquetel
    Use uma camisa branca fina com uma calça solta, com muito movimento, em tecido leve e brilhante ou lurex. Escolha sapatos com design especial, de preferência os brilhantes e com detalhes, e uma bolsa pequena para pendurar no ombro. Complemente com anéis grandes ou de pedras semipreciosas.
    Se você achava sua camisa branca informal ou sem graça, experimente essas combinações para ficar maravilhosa em todas as ocasiões.

    Para um dia de compras ou encontro diurno

    Para exibir um estilo country, que está em alta nessa temporada, combine uma calça jeans lavada em azul claro com uma camisa xadrez de fundo vermelho ou amarelo, e botas de cano médio por cima da calça. Não esqueça, quando você usar estampados, figuras grandes ou xadrez, os acessórios devem ser de uma cor só. Neste exemplo, uma bolsa cor de mostarda é o complemento perfeito.
    Para o trabalho
    Uma calça jeans escura ficará linda com uma camisa de manga longa e um blazer mais formal, que confere um toque masculino ao seu visual. Escolha sapatos confortáveis, mas de salto, para um ar entre o casual e o formal, e escolha uma bolsa tipo maleta, uma tendência bonita e elegante para o escritório.
    Para sair à noite
    Escolha jeans justos com uma blusa de lantejoulas e saltos altos estilo plataforma. Se estiver frio, você pode usar por cima uma jaqueta de couro de corte reto. Não esqueça dos acessórios, que podem ser grandes, dependendo do comprimento do pescoço e de sua altura.
    Uma boa calça jeans combina com quase tudo, por isso, tenha uma sempre à mão.
    Para o trabalho
    Para um visual formal e muito chique, use o vestido preto com meia-calça de cor natural e sapatos fechados, que podem ser em animal print, de preferência, bege com manchas pretas. Combine com um cinto fino de cor bege e uma bolsa elegante, sem muitos enfeites – quanto mais simples, mais apropriada para o escritório.
    Para sair com as amigas
    Um vestido preto sempre ficará perfeito com botas de cano alto, que podem ser pretas ou cor de café. Para dar um toque mais informal, use uma jaqueta jeans ou uma pashmina que combine as cores preta, café e azul. A bolsa pode ser azul ou similar à cor do jeans.
    Para um coquetel
    Sem dúvida, o vestido preto é a melhor opção para um coquetel. Para dar um toque mais chique, use sapatos plataforma brilhantes e acessórios perolados ou metalizados. Uma bolsa tipo envelope de cetim ou uma echarpe são complementos adequados e charmosos.
    Para um encontro
    Em encontros, o ideal é criar um visual de impacto. Para transformar seu pretinho básico em uma peça especial, use sapatos de salto alto. Se quiser ousar mais, abuse dos bicolores, como preto e fúcsia, ou preto com azul-elétrico. Complete o visual com uma bolsa fúcsia ou azul (dependendo da cor dos sapatos) e um cinto prateado largo. Não esqueça de que um belo penteado e a maquiagem são os complementos perfeitos de qualquer roupa. Capriche!
    Agora que você já conhece essas quatro opções, qual delas você usará???????? ;)


    Como combinar as cores

    Na hora de se vestir, é muito importante mesclar bem as tonalidades para harmonizar seu visual. Sapatos da mesma cor da bolsa e do cinto são o básico, mas se você estiver buscando um estilo especial, deve aprender a combinar as cores para se vestir de forma mais divertida e menos comum.
    Vamos falar um pouco das cores, das estações e dos lugares ideais para usá-las.

    Qual cor? Para qual ocasião? Com o que ela combina?

    Preto: É uma cor espetacular porque emagrece e é elegante, por isso a maioria das mulheres e homens usa trajes pretos nas festas mais finas.
    Combina facilmente com a maioria das cores, mas não deve ser usado com outros tons muito escuros como o café e o azul marinho. Também não deve ser usado todos os dias e, muito menos, a todo o momento, porque é uma cor que também representa o luto. Preto é a cor da noite e do inverno, perfeita para blusas, jaquetas e cachecóis.
    Branco: É a cor básica do armário, você com certeza tem mais de uma blusa branca. Combina muito bem com quase todas as cores, mas não deve ser usada com bege ou marfim. Ideal para usar no verão ou em dias quentes, e não só nas camisas, pois também fica perfeito em vestidos curtos e longos, em calças e até em sapatos.
    Em climas frios, o ideal é usar a cor perto do rosto, em pashminas, camisas, tops e peças esportivas. A cor branca representa a pureza, por isso é usado em vestidos de noiva e é a preferida de todas nós.
    Cinza: É uma cor neutra que combina muito bem com cores vibrantes da gama do vermelho, como o vinho e o magenta. Também cai bem com tons de verde e azul, e é m excelente aliado do branco e do preto. O prateado, usado em acessórios brilhantes ou foscos, deixa o visual elegante e combina com todas as cores quentes. É uma cor elegante e muito discreta.
    Verde: É uma cor pouco usada pelas mulheres pela associação com o vestuário de camuflagem, no entanto, está na moda usar vestidos de festa com tonalidades vivas, como o verde esmeralda, o verde ácido ou o verde-água.
    Se quiser usar verde no dia a dia, opte por um tom oliva ou militar combinado com tons terra ou areia.
    O café ou marrom: Essa cor pertence aos tons terra, e a melhor maneira de usá-la é combinando com outros tons da mesma gama, como as cores arenosas (bege, champagne, marfim) e cores como bronze, ouro e ocre. É uma cor que não pode faltar no seu armário. Além de ser o tom natural do couro, fica muito fina e elegante em bolsas, botas e jaquetas.
    Também pode ser usada com todos os tons de azul, desde o azul celeste até o marinho.
    Azul: A cor de quase todos os jeans. Combina muito bem com cinza, vermelho e tons de creme.
    O azul escuro, assim como o preto, estiliza a silhueta e emagrece; se for claro, como o azul celeste, deve ser usado perto do rosto porque o ilumina.
    É uma cor informal em calças jeans e funciona em todas as estações do ano, combinado com botas altas para sair à noite ou com sapatilhas para um dia de piquenique.

    Total black

    O preto é uma cor atemporal, muito versátil, que em 2012, volta com força total aos armários das mulheres que adoram um visual sóbrio, elegante e com muito estilo. Afinal, não podemos negar que esta é a cor que faz as mulheres parecerem mais esguias e sofisticadas.
    Mas cuidado para não usar pretos de diferentes tonalidades em uma mesma combinação, como pretos novos com desgastados, ou pior, com manchas. É um grande erro, que elimina toda a elegância desta tonalidade.

    Quatro looks em total black para diferentes ocasiões

    Um vestido preto curto, de gola em V, canoa ou  tartaruga, que podem variar de um Armani até um modelo de lã, são perfeitos para o escritório. Use com meias de tons sóbrios, sapatos de salto ou botas.
    Um vestido sem mangas de algodão com lycra é ideal para um dia ensolarado, combinado com uma rasteirinha ou sandálias de salto baixo.
    Uma calça preta de corte reto, dependendo da sua silhueta, combina bem com um top preto de cetim, sempre perfeito para você sair à noite com os amigos
    Um vestido curto e justo, acima dos joelhos, com drapeados ou pequenos apliques brilhantes, é perfeito para um coquetel ou jantar especial.

    O look ideal para uma reunião profissional

    Somos mulheres vaidosas, sensíveis e queremos estar sempre lindas e causando boa impressão, por isso é importante ter um look adequado em todas as ocasiões. A partir de agora, essa não será mais uma tarefa difícil! Neste mês, daremos alguns conselhos para que você se vista de forma adequada para todas as atividades do seu dia a dia.
    Você vai ministrar uma reunião muito importante, estará cercada por seus chefes e companheiros de trabalho, todos os olhares estarão em sua direção e você não sabe que roupa usar… Darei algumas dicas para que pareça simples e elegante – o visual ideal para uma reunião de trabalho.
    Primeiro, opte por um estilo clássico e seguro, não é o momento para improvisar. Escolha uma calça de corte reto não muito justa (já que não é pra ficar muito sexy) ou uma saia de corte clássico até o joelho, pode ser de cós alto ou na cintura. Essas duas peças são coringas e, sem muito esforço, se tornam marcas de elegância e distinção.
    Opte por cores escuras como preto, azul-marinho ou café, pois são tons sóbrios que te deixarão com um visual estilizado e fino. Combine essas peças com uma blusa branca ou tons nude, com gola formal e mangas ¾ ou compridas. Blusas de cor clara iluminam o rosto e todo mundo tem pelo menos uma no armário.
    Pra finalizar, você precisa contrastar seu visual para transformar o clássico e simples em chique. Para isso, escolha acessórios bem desenhados e com cores vibrantes, como vermelho, roxo, fúcsia ou azul-turquesa. Use essas cores num colar grande, num cinto fino e nos sapatos, assim você ficará radiante para a reunião.

    Looks para a universidade

    Muitas universitárias se arrumam todas as manhãs para ir à faculdade, e escolher uma roupa legal todos os dias não deixa de ser uma dor de cabeça. Além disso, quem estuda precisa levantar cedo e tem pouco tempo para se arrumar. Por isso, criei um guia prático e fácil para você ir à faculdade com elegância.

    Sapatos

    Existem sapatos que, definitivamente, não foram feitos para ir à faculdade, como os de salto alto e as sandálias (dependendo da estação do ano, claro). Em geral, o importante é que sejam bonitos e confortáveis. Por isso, não podem faltar as sapatilhas, sapatos boneca, botas sem salto e de ponta arredondada, e alguns pares de tênis converse, se você prefere um estilo mais informal ou esportivo.

    Calças

    Jeans confortáveis não podem faltar em seu armário. Escolha o corte de acordo com o formato de seu corpo. Prefira calças de corte reto e leggings de cores escuras.

    Blusas e bolsas

    Use a imaginação e misture uma infinidade de blusas, camisas, camisetas de um só tom, listras, estampas e até motivos animais. Use-as combinando com as peças adequadas ao formato do seu corpo, com calças e sapatos básicos.

    Jaquetas

    Uma jaqueta jeans, um blazer liso (azul, vermelho, café, marfim), e uma jaqueta ou abrigo preto.

    Look casual informal

    Escolha sapatos confortáveis. As botas de salto baixo são estilosas e não cansam os pés. Nesta temporada, continuam em alta as botas de amarrar de cano médio ou longo até o joelho, nas cores café e ocre. Para um visual mais casual, você pode usá-las com uma calça justa, tipo cigarette, que pode ser azul petróleo, e uma blusa leve estampada, ocre ou azul petróleo. Leve sempre com você um pulôver de lã grossa, para ficar mais protegida no outono e inverno.

    Look esportivo

    Jean surrado com tênis converse e blusa de gola em V, ou uma blusa justa de algodão com capuz, são ideais para um dia de muitas aulas e nenhuma apresentação para a classe. Você também pode trocar os tênis converse por sapatos tipo boneca, e uma blusa básica manga ¾.

    Look casual formal

    Este é um visual ideal para exposições orais ou em grupo. Como você sabe, a primeira impressão é a que fica, e certamente sua apresentação pessoal também contará pontos. Para isso, escolha uma roupa mais executiva. Você pode usar meias grossas com saia curta, botas baixas, uma camisa e um blazer.
    Você pode alternar as três dicas de looks deste artigo, dependendo das atividades de cada dia na faculdade, e redescobrir seu armário.

    ESTILOS IMPECÁVEIS E ERROS COMUNS

    Esquadrão da Moda - h&h - Discovery Mulher

    Para muita gente, é muito normal querer descansar e esquecer de tudo depois de uma semana árdua de trabalho. Outros preferem ir ao cinema, a um restaurante ou sair com os amigos. Mas na hora de se vestir, a maioria dá pouca importância à aparência, pois prefere se sentir “à vontade”. Esta comodidade geralmente beira o grotesco e deixa muito a desejar. A seguir, apresentamos uma pequena lista dos pecados mais comuns, na opinião de Stacy e Clinton:

    1. A maior ofensa da moda

    Clinton: Eu insisto em dizer que são os sapatos de salto alto nos pés de uma mulher com mais de 22 anos. Eles nunca irão fazê-la parecer sofisticada, apenas ficará parecida com Frankenstein.
    Stacy: Os jeans das “mamães” – muito alto na cintura e extremamente estreito nas pernas. Não ficam bem em nenhum tipo de corpo.

    2. Maior ofensa da moda das celebridades

    Stacy: Vestir-se como uma atriz pornô.
    Clinton: A pose “você pode tirar minha foto agora” de Paris Hilton. No entanto, eu gosto do programa The Simple Life.

    3. Se você pudesse colocar alguém na moda, quem seria…

    Clinton: Stacy. Meu sonho é fazer uma sessão de fotos em que nós colocamos um ao outro na moda, como personagens de nossos filmes favoritos. Para Stacy, acho que poderia ser Grace Kelly, no filme Janela Indiscreta, Tippi Hedren, em Os Pássaros, Kelly LeBrock, em Mulher Nota 1000, apenas para citar alguns exemplos.
    Stacy: Clinton. Ou Cary Grant, Errol Flynn, Alec Guinness, David Niven, e/ou Burt Lancaster, no filme The Swimmer… Todos os delicados rapazes da velha escola de Hollywood.

    4. Um erro grave e comum da moda

    Stacy: Confundir o tamanho como o ajuste e o corte
    Clinton: Os trajes cáquis de pregas triplas. Por que eles ainda existem? Por que um rapaz gostaria de ter um quadril inflado?

    5. Uma rápida solução da moda

    Clinton: Uma jaqueta com um belo corte. Você pode jogá-la em cima de praticamente qualquer coisa e usar como se fosse um conjunto.
    Stacy: Um belo sapato alto, particularmente o vermelho. Ou uma nova tonalidade de batom.

    6. Confissão pessoal da moda

    Stacy: Com 10 anos, eu tive um macacão rosa da Norma Kamali, com um elástico na perna, feito de malha de ginástica, com ombreiras altíssimas. Eu parecia uma bola de bexiga de aniversário.
    Clinton: Comprar me dá dor de cabeça depois de uma hora. Então, eu quase sempre acabo pagando preço de varejo, apenas para livrar-me deste inferno!

    7. Regras favoritas da moda

    Clinton: Combinar as meias com as blusas e o cinto com o sapato
    Stacy: Se um item não pode combinar com pelo menos dois itens de seu guarda-roupa, as chances de você usá-lo são praticamente nulas.

    8. Acessório favorito

    Stacy: No momento, broches, bainhas e écharpes.
    Clinton: Bolsos quadrados.

    9. O participante mais memorável

    Clinton: Há muitos participantes para escolher, mas eu estive na companhia de Turbo (mais conhecida como Shannon) uma noite antes de sua revelação final. Esta foi uma noite que não esquecerei tão cedo.
    Stacy: Definitivamente Carlos. Ele causou uma forte impressão em todos nós.

    10. O momento mais engraçado enquanto filmavam o programa

    Stacy: Fingir que estava dirigindo um carro de polícia, no episódio da Melissa. Não havia nada mais a fazer, já que eu não tenho carteira de motorista!
    Clinton: Na verdade, aconteceu quando nós estávamos gravando os comerciais para a maratona do Dia de Ação de Graças, no ano passado. Stacy estava vestida como uma peregrina, característica do filme Poltergeist, e aparecia no espelho de 360 graus. Foi muito esquisito. Eu ri tanto que perdi o fôlego. Acho que você tinha que estar lá!

    O que fazer com as peças que você não usa mais...

    Antes de mais nada, organize seu armário e procure todas as peças que você não usa mais.Examine uma a uma e organize os conjuntos que podem combinar de acordo com a cor.

    Depois, vá às compras e adquira os acessórios que estão faltando. Não esqueça de fazer uma pesquisa de preços, inclusive na internet, onde pode encontrar roupas ou acessórios que não conhecia ou não conseguia encontrar.
    As peças que você já tem podem ser remodeladas para criar um visual diferente. Echarpes e lenços também ajudam a conferir um estilo charmoso.

    FONTE GERAL: H&H

    Com o fim do inverno, consultora dá dicas para organizar o guarda-roupa

    Rosângela Campos é especialista em otimizar espaços de forma prática

    Prefira dobrar as roupas a enrolá-las (Foto: Domus Organizzare/ Divulgação)Prefira dobrar as roupas a enrolá-las (Foto: Domus Organizzare/ Divulgação)
    Com o início da primavera, no próximo dia 23 de setembro, é hora de deixar de lado os casacos pesados e as blusas de lã. As mudanças de estações envolvem, além da troca das roupas, a organização dos armários. Você sabe onde e como guardar os artigos de inverno durante as estações mais quentes? Sabe como organizar suas roupas de uma forma mais prática? 
    Para ajudar os internautas, o site do Patrola conversou com a consultora de organização Rosângela Campos, que é especialista em técnicas e práticas de organização que simplificam as rotinas e otimizam os espaços.
    - Quando a gente ensina nos cursos como organizar, entendemos que podemos usar todas as roupas, de inverno e verão, no mesmo ambiente utilizando a dobra apropriada e colocando as roupas nos lugares certos. Mantendo regras no armário, não há necessidade de arrumar as roupas em todos os meses, mas apenas uma vez por ano e fazendo pequenas modificações nas mudanças de estações. Também não existe móvel pequeno e sim, mal organizado - explica.
    Segundo Rosângela, as roupas preferidas e mais usadas devem ficar nos cabides (Foto: Domus Organizzare/ Divulgação)Segundo Rosângela, as roupas preferidas e mais
    usadas devem ficar nos cabides (Foto: Domus
    Organizzare/ Divulgação)
    Confira as dicas que a Roângela separou para os leitores do Patrola:
    1- Para organizar o armário é preciso entender o que se usa mais para deixar essas peças sempre à mão (assim, não é preciso bagunçar as outras roupas para pegar as preferidas)
    2- O cabide é um local privilegiado para as roupas e ele deve guardar aquelas que são mais usadas.
    3- Adora o vestido de festa, mas usa a cada cinco anos? O melhor é colocá-lo no maleiro.
    4- Crie setores dentro do armário: calças, roupas intimas, blusões, vestidos. A ordenação é feita pelo setor e, depois, por cor. A prioridade é decidir pelo tipo de roupa e pelas vezes que se usa elas.
    5- Blusas de alcinha devem sempre estar a mão, pois ela pode ser usada tanto no inverno, com um casaco, quanto no verão. Roupas como blusões, porém, que são usadas apenas em uma estação específica, devem ficar em uma parte mais elevada do armário. 
    6- Erro comum na troca da estação é levar os cobertores para a lavanderia e depois guardá-los em sacos plásticos. O guarda-roupa é úmido e o saco plástico segura a umidade. A solução é substituir os de plástico por TNT, enrolando o material nas peças.
    7- Cuidados com peças de lã: para proteger as roupas dos insetos, a solução é colocar dois sachês com pimenta do reino dentro de cada divisória do guarda-roupa.
    8- Antes de fazer a mudança das roupas de inverno, é importante colocá-las para secar, por mais que esteja calor. O melhor a se fazer é ligar uma estufa com vento seco e quente, abrir as portas do armário e deixar ligado por uma hora. Além de tirar o cheiro de umidade, o vento seca o móvel completamente.

    10- Uma dica preciosa: guarde as mantas grossas de inverno dentro de uma capa de almofada. Além de liberar espaço, ainda tem uma super almofada para decorar a casa.

    Estilista Milka Wolff dá dicas para valorizar diferentes tipos de corpo

    Conheça as melhores peças para ressaltar as partes mais bonitas do corpo

    Estilista apresenta expemplos de looks montados por ela  (Foto: Juliana Farias/ Divulgação)Estilista apresenta expemplos de looks montados por ela (Foto: Juliana Farias/ Divulgação)
    O melhor look é aquele que deixa a mulher segura de si. No entanto, alguns truques podem ajudar a escolher as peças ideais para o formato do corpo de cada uma, valorizando os pontos fortes e escondendo algumas imperfeições. O Patrola conversou com a idealizadora do Museu da Moda (MUM), na Serra Gaúcha, estilista Milka Wolff, para dar algumas dicas para as leitoras.
    Segundo ela, todas as mulheres, sejam elas baixas ou altas, gordinhas ou magras, podem ajustar aquilo que consideram imperfeito.
    - A roupa e o estilo de se vestir podem valorizar o corpo da mulher, assim como uma peça errada pode prejudicar completamente o look. Hoje, a maioria das pessoas estão mal apresentadas, independente de serem ricas ou pobres. O bom senso e a sensibilidade é tudo - explica.
    Para as mais baixinhas, Milka alerta para o tamanho de saias e calças.
    - O ideal é que sejam peças de comprimento clássico. As altas podem optar pelo truque das duas cores, ou seja, um visual bicolor evita que elas pareçam maiores do que são - indica.
    Já para quem dos braços grossos, a estilista ensina um truque. Nesse caso, a manga deve ser solta, porém não volumosa e nem com transparência.
    - A dica é usar blusas de manga curta, meia manga ou 3/4. Evitar a regata é fundamental - conta.
    Segundo a consultora, o decote redondo é ideal para quem busca diminuir o busto. O segredo também tem a ver com a cor e o tom das peças. O ideal é usar blusas mais soltas. Milka ainda afirma que, para as mulheres que tem seios menores, os bojos e recortes drapeados são perfeitos.
    Se as mulheres tem bumbum grande, segundo a consultora, é preciso evitar peças com bolsos, recortes e botões. As cores escuras também ajudam a disfarçar e as peças com cintura baixa devem ser evitadas. Para as mais gordinhas, a aposta deve ser em cores neutras, evitando estampas.
    Outro ponto fundamental, de acordo com Milka, é o conforto, visto como um grande aliado.
    - Em primeiro lugar, é importante se sentir bem. Buscar looks que valorizem o que se tem de mais bonito e que suavizem os pontos negativos deixa qualquer mulher de bem com a vida - conclui a estilista.
    Mantas combinam com tudo (Foto: Juliana Farias/ Divulgação)Mantas combinam com tudo (Foto: Juliana Farias
    / Divulgação)
    Confira outras dicas para não errar na escolha:
    1 - Conjunto claro: perfeito para as mulheres magras e com pouco busto. O traje executivo torna as mulheres elegantes.
    2 - Pala mostarda: É uma forma elegante de se proteger do frio. Ideal para todos os tipos de mulheres. Ajuda a esconder culotes nas cinturas.
    3 - Mantas e lenços: para qualquer tipo de roupa, básica ou executiva. Esses adereços podem esconder todos os tipos de imperfeições, seja de busto grande ou busto pequeno.


    Blogueiras que fazem sucesso na internet dão dicas de moda

    Durante a semana, Patrola entrevista meninas que sabem tudo de moda

    Este é o look exclusivo que a Tamy fez para o Patrola (Foto: De Repente/ Divulgação)Este é o look exclusivo que a Tamy fez para o
    Patrola (Foto: De Repente/ Divulgação)
    Mulher e moda são uma combinação que tem tudo para dar certo. Os blogs sobre o assunto, inclusive, estão dominando a internet.
    Por causa de todo o sucesso, o Patrolaapresenta no programa deste sábado (20) a blogueira Flávia Linden, do Fashion Coolture, que vai contar como esse mundo funciona.
    Durante esta semana, no site, você vai conferir entrevistas com outras blogueiras que fazem sucesso no Rio Grande do Sul. Esta segunda (15) é o dia da Tamy Yasue,  de 29 anos, que escreve para o "De Repente":
    - Eu diria que meu estilo é criativo e divertido. Gosto de dar novos usos ao que tenho no armário. Customizar, fazer sobreposições, misturar estampas e texturas. Adoro deixar as regras de lado e buscar o inusitado -  conta.
    No blog, a moça faz um exercício diário para poder postar de segunda a sexta-feira diferentes looks. Para tanto, é preciso ter muita criatividade. E isso não falta para ela. Tamy trabalha principalmente com criação de livros e outras publicações. O blog, que foi criado em 2009, ocorreu a partir de uma comunidade na rede social:
    Jaquetas de couro não faltam no armário da Tamy (Foto: De Repente/ Divulgação)Jaquetas de couro não faltam no armário da Tamy
    (Foto: De Repente/ Divulgação)
    - A ideia era que as meninas de uma comunidade pudessem compartilhar seus looks usando sapatos de plástico. Sugeri que criassem um blog e elas pediram que eu o fizesse, mas não queria me expor, já que em 2009 isso não existia no Brasil. Eu nunca imaginei que a blogosfera iria crescer tanto e se transformar no que é hoje – explica.
    Com o passar do tempo, a moda mudou e o blog da Tamy trocou de cara:
    - O blog foi ficando mais pessoal e mudou de nome. As leitoras pediram que eu postasse mais looks e entrei no ritmo atual. Adoro mudanças e já estou preparando várias para breve, sempre atendendo aos pedidos de quem lê e acompanha.
    A guria se inspira para fazer os looks em sites e blogs de streetstyle e gosta de observar os figurinos de seriados e filmes:
    - Estava revendo "Os Homens Preferem as Loiras", com Marilyn Monroe, e fiquei encantada com os casacos da morena Dorothy. Além disso, eu acompanho alguns blogs, principalmente os internacionais, em que as meninas têm esse lado criativo mais aflorado - diz.
    Óculos também são uma boa pedida  (Foto: De Repente/ Divulgação)Óculos também são uma boa pedida
    (Foto: De Repente/ Divulgação)
    Tamy ainda deixa algumas dicas do armário dela para se vestir bem de um jeito simples:
    1- Jaquetas de couro: tenho várias em diversas cores e ficam perfeitas em looks rocker, muita meia-calça para combinar com saias e vestidos.
    2- Óculos (grau e sol), chapéus, lenços e, claro, sapatos. Acessórios poderosos são responsáveis por boa parte de um look incrível. Um chapéu pode transformar o jeans mais camiseta.
    3- Peças que já tenho: quando você encontra seu estilo pessoal e investe em itens que combinam com ele. Já não se pergunta mais se algo "está na moda", pois isso não importa de fato. Tenho peças com mais de 15 anos que uso até hoje.
    Óculos e jaqueta de couro não faltam no look da Tamy (Foto: De Repente/ Divulgação)Óculos e jaqueta de couro não faltam no look da
    Tamy (Foto: De Repente/ Divulgação)
    4- Liquidação: fazer compras em liquidações de inverno é mais fácil que no verão, já que temos menos modismos passageiros, mas o investimento é maior. Minha sugestão é organizar o armário, verificar o que está faltando, fazer uma lista e só então sair em busca das liquidações.
    5- Não fazer tantas compras por impulso. Claro que sempre encontramos a "roupa dos sonhos" no caminho, mas é preciso analisar se ela realmente vale à pena, quando e onde usar e se é uma moda que sairá de cena em breve. Também recomendo visitar várias lojas antes de tirar o cartão da bolsa. Agir depois de pensar e analisar, evita essas compras por impulso, conta no vermelho e armário abarrotado de peças que não sabemos como usar.
    Não perca o Patrola deste sábado (20), às 11h30, na RBS TV!
    Siga o twitter @patrolaoficial e curta a página facebook.com/patrolaoficial
    19/07/2013 15h00 - Atualizado em 19/07/2013 15h02

    Blogueira ensina a montar looks que reúnem peças clássicas e modernas

    Patrola deste sábado (20) mostra o mundo das blogueiras de moda

    Tati aposta em nos blazers (Foto: Coffee With Tati/ Divulgação)Tati aposta em nos blazers (Foto: Coffee With Tati/ Divulgação)
    Antenado ao sucesso que os blogs de moda estão fazendo na internet, o Patrola buscou, durante toda a semana, mostrar o diferencial das "it-girls", que ainda deram algumas dicas para as leitoras do site. No programa deste sábado (20), os telespectadores vão conhecer a blogueira Flávia Linden, do Fashion Coolture, que vai contar como esse mundo funciona.
    Jaqueta de couro, das mais variadas cores, estão com tudo!  (Foto: Coffee With Tati/ Divulgação)Jaqueta de couro, das mais variadas cores, estão
    com tudo! (Foto: Coffee With Tati/ Divulgação)
    Enquanto o programa não chega, o Patrola conversou com a estudante de publicidade e propaganda Tatiana Forneck, de 20 anos, que faz sucesso com os seus "looks do dia", no Coffee With Tati.
    Ela trabalha em uma agência na área de moda e já tem uma certeza para o futuro:
    - Dentro da minha área, com certeza, pretendo trabalhar com moda - afirma.
    A Tati ama misturar peças clássicas com outras mais modernas. A blogueira define seu estilo como básico, mas criativo. A jovem adora sobreposições, além de ter paixão em misturar texturas e estampas.
    Tatiana gosta de looks básicos e criativos (Foto: Coffee With Tati/ Divulgação)Tatiana gosta de looks básicos e criativos
    (Foto: Coffee With Tati/ Divulgação)
    Como adora moda, ela começou a escrever em um blog em fevereiro desse ano. O projeto já estava nos planos de Tati há algum tempo:
    - Já tive um blog com outro nome e outra proposta. Tive também uma coluna de moda em sites de conteúdo diversificado. Como sempre amei moda e escrever, um blog é a pedida perfeita para mim – explica.
    O blog Coffee With Tati não fala só de looks do dia. Ela varia com tutoriais de maquiagem, tendências, dicas para customizar e reformar peças, decoração e receitas. Esse é o espaço escolhido por ela para dialogar com a turma que curte os mesmos assuntos.
    Além de ser ligada em tendências, Tati conta que varia as peças de acordo com o seu humor.
    - Normalmente, me visto de acordo com o estado de espírito em que acordo no dia, mas é claro que as referências estão por todos os cantos. Ainda mais eu, que passo muito tempo na internet. Acho que se tivesse que escolher alguém no qual o estilo me encanta, seria Olivia Palermo - comenta.
    Este é o look que a Tatiana fez especialmente para o Patrola (Foto: Coffee With Tati/ Divulgação)Este é o look que a Tatiana fez especialmente
    para o Patrola (Foto: Coffee With Tati/ Divulgação)
    A Tatiana preparou um look exclusivo para as leitoras do Patrola (foto ao lado):
    - Eu escolhi esse look porque me representa. Uma peça bem diferente e mais "chamativa", que é a calça, combinando com a parte de cima que é mais básica e simples - explica.
    Na hora de aproveitar liquidações, a blogueira investe em peças que normalmente não compraria pelo preço normal.
    - Minha dica é comprar peças mais atemporais, deixar de lado as modinhas passageiras e, é claro, pesquise. A internet está ai para isso. Como boa viciada em compras online, acho que os melhores preços podem ser encontrados nos e-commerces - diz.
    Confira as dicas da Tatiana Forneck sobre o que não pode faltar no armário para criar bons looks:
    1- Jaquetas de couro: tenho de várias cores e vários modelos.
    2- Camisas jeans: meu grande vício! Adoro usar com tudo.
    3- Blazers: deixam o look mais elegante num passe de mágica.
    4- Sapatilhas. Não vivo sem.
    5- Não tenha medo de experimentar. Teste até as peças que você pensa que nunca vão ficar bem: você pode acabar se surpreendendo.
    6- Tenha noção daquilo que funciona com o seu estilo e crie uma identidade nos seus looks. Personalidade é tudo;
    7- Invista em acessórios: eles deixam qualquer look básico mais bonito.
    8- Não queira usar tendências que não combinam com você ou que não ficam bem no seu corpo só porque "tá na moda". É aquela coisa de Coco Chanel dizia: a moda é passageira, o estilo é eterno!
    Não perca! O Patrola vai ao ar às 11h30, na RBS TV.

    Aprenda a ficar na moda com as roupas que você já tem em casa

    Estudante ensina como reciclar peças antigas

    Dica do Patrola (Foto: Divulgação/RBS TV)
    Roupa, muitas vezes, é um problema no momento de sair de casa. Seja porque já foi usada em outros eventos, não está caindo bem ou não serve mais. A estudante de odontologia Silvany Niemeier Meller decidiu mudar essa realidade e inovou seus "modelitos" antigos. Por já ter habilidade manual, ela começou a vender roupas e acessórios. A partir disso, o próprio guarda-roupa também teve transformações:
    - Comecei a fazer roupas para mim, para a família e amigos. Ainda não se tornou um negócio, mas gosto muito da ideia de fazer coisas que ninguém tenha. 
    Muitas meninas sofrem na hora de escolher um vestido para ir a uma festa. Para essas situações, Silvany tem a própria solução:
    - Fui me arrumar para uma festa decidi sair para comprar um vestido. Voltei para casa com um tecido. Comecei a fazer nós e costurei uma parte à mão. Cheguei ao local bem faceira e ainda recebi muitos elogios. Tempo depois, ganhei uma maquina da minha vó e comecei a caprichar as roupas.
    Além de não gastar mais com as peças, ela ainda recicla o que tem no armário, encontrando uma nova utilidade para os modelos.
    - Uma blusa que eu não usava há anos, transformei em uma saia lindíssima! Moda é uma coisa que eu gosto.
    O Patrola deste sábado (15) mostra um brechó de troca, onde adquirir uma peça nova não é sinônimo de gastar. Enquanto o programa não chega, confira as dicas da Silvany de como renovar o guarda-roupa de forma econômica:
    Esta é uma bolsa feita de caixinah de leite (Foto: Arquivo Pessoal)Esta é uma bolsa feita de caixinah de leite
    (Foto: Arquivo Pessoal)
    Bolsa com caixinha de leite: para fazer a bolsa, basta colar na caixinha o tecido, fazer a costura e colocar fecho (o formato é feito pela caixa e é toda forrada com tecido. Neste caso, usei cola, cetim preto e renda rosa por cima do cetim). Também podem ser feitos com outros tecidos, mix de cores e também com franjas de camurça ou aplicações com tachas douradas, que estão muito em alta.



    Anel feito com muita criatividade (Foto: Arquivo Pessoal)Anel feito com muita criatividade (Foto: Arquivo
    Pessoal)
    Anel feito de botão de roupa: deve-se comprar a base do anel, ou um anel velho, cortar a parte de baixo do botão e colar com material de artesanato (podendo usar diversos tipos e modelos de botão, o que vale é usar a criatividade e bom gosto).
    Repaginada na roupa: colocar tachas ou fechar as tachinhas como aplicação. Isso pode mudar uma peça que já não tenha tanta graça
    Transformar o vestido longo em curto: deve-se desmanchar a costura de trás até a altura de comprimeito desejado. As pontas de baixo, que sobram, tem que amarrar no pescoço. Um cinto pode dar um glamour final, acinturando e aparentando ter bolsos.

    Pulseira feita com bolinhas de para enfeitar no Natal (Foto: Arquivo Pessoal)Pulseira feita com bolinhas de para enfeitar no
    Natal
    (Foto: Arquivo Pessoal)
    Pulseiras feitas com corrente de bolinhas: as bolinhas são aquelas usadas para enfeitar o pinheiro de Natal e trançadas com cordão. Os materiais são encontrados facilmente, muitas vezes em casa ou em lojas de utilidades.
    Quer saber mais dicas para transformar suas roupas? Não perca o Patrola deste sábado (15), às 11h30, na RBS TV.
    Siga o twitter @patrolaoficial e curta a página 




























    COMO CUSTOMIZAR AQUELA PEÇA SEM GRAÇA....

    VEJA OS TUTORIAIS ABAIXO:


























    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...